terça-feira, 17 de fevereiro de 2015

Desperdício só acumula quem quer!



Desperdício só acumula quem quer!


Estava lendo um artigo interessante escrito para revista  Beleza & Cia que resolvi copiar para vocês amigos leitores.
O artigo explicava o seguinte:

Em uma época em que o aquecimento global é o assunto da vez, não da prá desperdiçar.

Você pode até se perguntar: o que eu tenho haver com isso? Muito! O desperdício é apenas um – senão o pior – dos males que podem afundar seu negócio.

Prevendo esse quadro e prevenindo empreendedores e proprietários de salões, o especialista Marcelo Calçolari Ruzzi, administrador da rede paulista L’Officel ministrando palestra para identificar e eliminando desperdício no salão.

Para ele um dos vilões do desperdício é a falta do DIÁLOGO COM OS COLABORADORES. Os proprietários deveriam lembrar que os colaboradores são o verdadeiro CORAÇÃO DO NEGÓCIO, quando se trata de ATENDIMENTO AO CLIENTE.

Erro: O proprietário não houve seus colaboradores nem os clientes, nem sua equipe, e às vezes seus sócios.
Ou seja, não atende as expectativas do outro.


Então o que fazer?

É necessário que você comece a adotar algumas políticas internas de controle de produtos.

Alguns anos passados, empresas que não obtinham lucro procuravam aumentar seus preços sem planejar e analisar o processo de produção.

Calçolari Ruzzi, afirma que hoje a principal norma é minimizar perdas, tanto de tempo e quanto de quantidades, controle total de produtos, água e luz no salão.

É necessário o controle de:

  • ·         Regulagem da pressão e temperatura da água no lavatório pode gerar uma economia de mais de 15% na conta no fim do mês.

  • ·         Toalhas. É correto separa-las por cor, uma clara para corte e escova e outra escura para tinturas.

  • ·         Demarcar quantidade a quantidade para cada funcionário deve utilizar por clientes. É claro que toda regra tem exceções... Não podemos ser ditadores.

  • ·         Orientar sua equipe ter bom senso.

  • ·         Fazer um manual bem didático e apresentá-los para sua equipe, abrindo brecha para que todos dentro do salão falem sobre os novos procedimentos adotados – inclusive fornecendo sugestões.

  • ·         Estabelece uma tabela de medida para a utilização dos produtos de maneira padronizada.

  • ·         Faça planilha de controle de estoque.

  • ·         Compre uma balança e entregue um medidor a cada profissional. Você sentira a diferença nas compras (e no bolso), no próximo mês.

  • ·         Verificar a quantidade de xampu na hora de uma lavagem, por exemplo, acumula duas perdas: a do produto em si e a consequente maior quantidade de água que será necessária para se retirar toda a espuma.

  • ·         Na parte elétrica é adequado utilizar um sistema de acendimento de luz flexível.

  • ·         Um salão deve ter metragem considerável e ter possibilidades variadas de uso de luz, permitindo acender 20% durante a manhã, outros 405 a tarde e o restante somente a noite.


Lembre-se que seus colaboradores são a alma do seu negócio. Por isso é vital e necessário mantê-los por perto.

Faça com que seus colaboradores se sintam realmente importantes.

Todo negócio pode ser melhorado

Com o controle de quantidade você não diminui a qualidade do serviço – apenas economiza. Seus colaboradores precisam compreender isso.  Deve ser clara a comunicação entre você e sua equipe.
O desperdício é responsável por consumir recursos consideráveis dentro da sua empresa, sem gerar benefícios ao cliente.

Treinamento

São necessários diversos treinamentos, não existe tamanho de negócio ou equipe que fuja do aprender. O problema é cultural.

Exemplo:

O proprietário não fala a mesma língua que seus colaboradores
Cabe ao proprietário nutrir o conhecimento dos colaboradores,
Precisa de reciclagem constante.

Não adianta cobrar seu profissional de informação e cultura.

A frase: “faça o que eu mando e não faça o que eu faço” não existe. Como ensinar se não sabe fazer?

O gestor não pode se esquecer de dar continuidade às informações.
No mundo dos negócios e do trabalho não pode haver erro.
Errar é humano, persistir no erro é burrice.




Fecundação Os primeiros registro da matriz de todos os sentimentos de rejeição ou amor é vivido pelo ser humano, tem sua primeira experiência na FECUNDAÇÃO Por isso é necessário que a gestação seja regada de sentimentos de amor e acolhimento. Esse registro será determinante para que a pessoa apresente em sua vida características e comportamentos para toda sua vida.
Postar um comentário