terça-feira, 6 de agosto de 2013

As cores de seu salão podem revelar coisas que você nem imagina!


Espaço Cabeleireiro.

As cores de seu salão podem revelar coisas que você nem imagina!
De acordo com o Feng Shui, existem cinco elementos: o fogo, a terra, o metal, a água e a madeira.
Estes elementos estão representados por diferentes cores e cada uma tem o seu significado.

Ao utilizar estes elementos e suas cores específicas, os donos de salões de beleza podem atrair o público alvo desejado para o seu estabelecimento e desta forma aumentar o seu resultado.

Geralmente pessoas que se identificam com as cores: vermelha e pink são movidas pelo elemento fogo, pois são cores quentes que traduzem paixão, amor, alto astral e etc.

Estas cores estão indicadas para salões que estejam em busca de clientela mais alternativa, despojada, do tipo que irá tingir os cabelos de cores bem vibrantes e optar por cortes mais radicais.

O elemento fogo evoca o sentimento da paixão, da criatividade e da intensidade, porém as cores pertencentes a ele devem ser usadas com cautela.

O excesso das cores pertencentes a este elemento faz com que o cliente se sinta impaciente, elétrico e angustiado, além do que também podem interferir no trabalho e astral dos funcionários do salão.

Elas não precisam estar necessariamente presentes na pintura da parede, elas podem estar nas cores das cadeiras ou nos acessórios utilizados pelo salão, por exemplo.

O elemento terra está presente nas cores: laranja, marrom, amarela e etc., e atrairá pessoas resistentes a mudanças.

O salão de beleza que utilizar estas cores estará atraindo clientes com perfil conservador e que com certeza não estarão à procura de mudanças radicais em seu visual.

É super-recomendável usar as cores presentes no elemento terra em salões de beleza, porque promovem um sentido de um negócio contínuo, confiança, cuidado e etc.

Estas cores podem simplesmente ser usadas em pisos ou móveis de madeira, as paredes podem ter cores claras e neutras, isso criará um ambiente confortável, relaxante, aconchegante, porém moderno.

O elemento metal está presente nas cores: brancas, platina, prata, ouro e etc.

Estas cores atrairão pessoas importantes e com algum poder aquisitivo.

Espere uma equipe de funcionários atualizados, dedicados e comprometidos e clientes que exijam qualidade e serviço eficiente, mas que em contra partida serão sempre leais ao seu salão.

O elemento água é representado pelas cores: preta, azul escuro, roxo e etc.

Estas cores atrairão pessoas com estilo mais clássico atraídas pelo belo (elegância) e que não se importam com as tendências e o modismo.

O elemento madeira é representado principalmente pela cor: verde.

Esta cor atrai clientes mais objetivos e atarefados, que se preocupam com o visual, mas de uma forma mais prática, que facilite o seu dia-dia. Nada de cortes que necessitem de acessórios complicados. São clientes que procuram o salão na hora do almoço e que gostam de ser atendidos prontamente.

Seguem abaixo algumas dicas sobre o significado das cores no Feng Shui e que auxiliaram na decoração do seu salão:
1) Vermelho - amor, paixão, calor, poder, guerra e etc.;
2) Pink (cor-de-rosa) - doce, agradável, romance, delicado e etc;
3) Amarelo - felicidade, alegria e etc.;
4) Ouro - extravagância, brilho, tradição e etc.;
5) Laranja - energia, calor, mudança, entusiasmo e etc.;
6) Azul - forte, calmo, inteligente, confiança, lealdade e etc.;
7) Roxo - luxo, mistério, magia e etc.;
8) Verde - crescimento, saúde, harmonia e etc.;
9) Preto - conservador, misterioso, sofisticado e etc.;
10) Cinza - formal, conservador, sofisticado e etc.;
11) Prata - glamoroso, rico, tecnologia e etc.;
12) Branco - pureza, inocência, leveza e etc.
13) Marrom - introspectivo, singelo e etc.;
14) Bege - conservador, relaxado e etc.

Lembramos que para o seu salão ser bem sucedido é importante que ele tenha os cinco elementos presentes no ambiente, e como já dito, não é necessário pintar cada parede do salão de uma cor, é preciso tentar aliar todos os elementos e suas cores em partes diferentes do estabelecimento.

Segue uma dica:
- As paredes podem ser brancas – elemento metal;
- O chão pode ser preto – elemento água;
- As cadeiras podem ter o acento vermelho com detalhes em prata – elementos fogo e metal;
- A parede da recepção pode ter a cor laranja ou amarela – elemento terra;
- O elemento madeira pode ser conseguido com a cor verde das plantas.
Boa Sorte!

Matéria da Revista Cabeleireiros.com - Edição 30

Se o salão é de beleza, o mínimo que se espera é uma bela decoração. O espaço precisa ser funcional e agradar a pessoas de gostos muito variados. Conheça algumas dicas para deixar o local bonito e harmonioso
texto:

Depois de se certificar de que as instalações elétricas e hidráulicas do seu salão de beleza estão em perfeitas condições, é hora de pensar em decorar o ambiente. Independentemente da área disponível, que pode ser a partir de 20 m2, a decoração é vital para cativar os clientes.

Paulo Cordeiro, diretor da Maison Payot, optou pela contratação de um profissional. Na recente reforma do ambiente, trabalhou com a arquiteta Camila Valentini e disse-lhe exatamente o que queria: um local aconchegante e sofisticado, que levasse em conta conforto, facilidades e satisfação. A decoração seguiu o estilo clássico-contemporâneo, destacando a cor branca e usando detalhes roxos. “O branco é neutro e emana paz e tranqüilidade, além de ser fácil de manter. O roxo remete à espiritualidade”, diz.

A preocupação com as cores é compartilhada por Mônica Rodrigues, diretora da filial brasileira do salão Llongueras. Ela optou por uma decoração rústica, com pé-direito alto e iluminação uniforme. “Usamos branco e preto pela neutralidade. Para os móveis, optamos pelo lilás, cheio de vida”, conta.

A iluminação é outro fator importante na decoração de um salão de beleza, pois lâmpadas muito coloridas podem interferir no resultado de colorações e de maquiagens. “Usamos lâmpadas frias e mistas, mais indicadas para salões”, comenta Walter Cabral, proprietário da rede Walters Coiffeur, cuja marca da decoração é a modernidade.

No salão de Mônica Rodrigues as luzes também são importantes. “A iluminação é feita com lâmpadas fluorescentes que simulam a iluminação natural. Optamos por elas para que possamos trabalhar com tinturas e maquiagem com exatidão”, explica.

Mas há mais do que cores e iluminação na decoração de um salão. “O local precisa ser bem iluminado, ter mobiliário moderno e contar com equipamentos de última geração, além de seguir as tendências de decoração.

Organização e limpeza também precisam ser levadas em conta, assim como o “conforto dos clientes e dos profissionais”, destaca a arquiteta Rose Duarte, especialista em salões de beleza.

A profissional enumera a seguir os principais itens que devem ser levados em consideração:

• Piso: é necessário que seja resistente, claro e fácil de limpar.
• Iluminação: deve destacar o trabalho, ou seja, iluminar sem interferir na cor dos cabelos. Evite luminárias que provocam calor excessivo.
• Cadeiras e estofados: precisam ter texturas e cores que estejam em harmonia com a decoração.
• Áreas para tinturas e alisamentos: os espaços exclusivos para esses serviços foram substituídos por salas fechadas para atender os clientes com privacidade.
• Flores: as naturais são bem-vindas, mas acarretam um custo fixo de manutenção.
• Cores: prefira combinar as nuances claras às vibrantes, sempre em harmonia com a decoração total. Se desejar tons mais fortes, como o vermelho, coloque-os em objetos ou somente em uma das paredes do salão.
Qual é o momento certo de trocar a decoração? Empresas inovadoras adotam mudanças a médio prazo, e as demais fazem apenas manutenção. O prazo não pode ser muito
curto, já que o investimento é alto e de difícil retorno. Pequenas mudanças podem ser feitas e ajudam a criar uma nova imagem, mas os resultados reais não são significativos.



Salão para homens
Se há algum tempo era comum ver homens aguardando suas esposas ou namoradas nos salões de beleza, hoje a realidade é diferente. Quando são vistos, eles estão fazendo algum tipo de embelezamento.

Uma pesquisa da 2B Brasil Marketing Research & Consulting mostra que os homens representam 16% do mercado de cosméticos no Brasil, o dobro do que representavam nos anos 90 do século 20. Tanto que várias marcas têm linhas exclusivamente para eles, que, conforme a mesma pesquisa, gastam entre 10% e 20% de sua renda em saúde e estética.

Com base nesses dados, é fácil pensar em salões de beleza destinados aos homens. E isso já é uma realidade. A indústria gaúcha Dompel, fabricante de acessórios e móveis para salões, inaugurou o Salão For Men, criado para valorizar preferências do público masculino.

Os móveis têm design arrojado e cores fortes, lembrando temas
esportivos. Na decoração, as famosas imagens de mulheres com lindos cabelos são substituídas por fotos de carros e motos de última geração. Conforme a representante de marketing da Dompel, Vanessa Dal Prá, a sala de espera precisa ter revistas especializadas em esportes e negócios. “Uma dica é criar um departamento de conveniência que ofereça aos clientes vinho, uísque e charutos”, afirma.


Feng Shui
O Feng Shui é a antiga arte chinesa de criar ambientes harmoniosos em locais de trabalho e lares, desenvolvida na China há cerca de cinco mil anos. Para Elaine Furlan, especialista na arte, o Feng Shui pode contribuir com a prosperidade de um salão, mas o trabalho não pode ser feito aleatoriamente.

“É necessário consultar um especialista para que a medida da energia do local seja feita com uma bússola, que vai determinar a quantos graus se está do Norte, de onde saem as boas energias”, afirma.

Com base nessa medição, o especialista vai usar os elementos da natureza – metal, água, fogo, terra e madeira – para harmonizar o local. Mas, para quem pensa que basta inserir esses elementos indistintamente no ambiente, um alerta da especialista: “O Feng Shui busca o equilíbrio, e o excesso de alguma energia pode desarmonizar o ambiente”.

De qualquer forma, há algumas recomendações gerais que podem ser adotadas em todos os ambientes:
• Fontes de água são boas, porque a água é um elemento de cura. Mas cuidado: fontes muito grandes podem desequilibrar o ambiente. O ideal é usar para uma área de 10 m2 uma fonte de, no máximo, um litro.
• A pintura das paredes deve sempre ter um aspecto de que foi feita recentemente.
• A entrada do salão deve estar sempre limpa.
Em contrapartida, há algumas coisas que devem ser evitadas:
• Jamais guarde coisas sem utilidade. Elas acumulam energia ruim e impossibilitam a entrada de novas energias.
• Evite plantas como comigo-ninguém-pode e espada-de-são -jorge na frente do salão. Elas cortam energias boas e ruins.
• Não coloque objetos pontiagudos no ambiente, pois eles atrapalham a energia
Cromoterapia
A cromoterapia é a ciência que utiliza as cores para estabelecer o equilíbrio e a harmonia nas pessoas e nos
ambientes. Confira abaixo o resultado de um estudo realizado pelo portal Bemzen, que considerou os efeitos das cores na decoração de ambientes.
Amarelo
Muito usado para esquentar e iluminar áreas escuras. Em pisos, provoca sensação de avanço. Em grandes áreas, pode incomodar por causa da incidência de luz.

Azul
Pode ser usado em grandes áreas sem tornar-se cansativo, mas deve ser combinado com outras cores para evitar a monotonia. Mais escuro, transmite autoridade.

Branco
Um ambiente todo branco pode trazer calma e prazer para algumas pessoas e frieza, tristeza e impessoalidade para outras, além de passar uma sensação de limpeza.

Laranja
Lembra sabores agradáveis e estimula o apetite. Pode ser usado em uma só parede, em tons bem suaves. Em nuances mais escuras, sugere estabilidade.
Lilás e violeta
Tons mais claros podem ser usados em todos os ambientes. Utilizados de maneira monocromática, podem cansar.

Verde
É uma cor muito usada. Quando aplicada no chão, lembra a natureza. Em locais abertos, complementa madeira e jardins.

Vermelho
Muita atenção em seu uso, já que, por ser uma cor muito energética e vibrante, pode provocar excitação e nervosismo quando aparece em excesso. Em pequenas doses, traz um ar de glamour e exotismo.
USO DE CORES NO MARKETING (ESTIMULANDO O CONSUMO)





USO DE CORES NO MARKETING
Imagine se o mundo não tivesse cores, fosse todo em preto e branco. Como seria nossa vida? Como viveríamos sem as cores que nos cercam? Sem as cores da natureza? Sem o colorido das flores?

Pois é, as cores fazem parte das nossas vidas, assim como o ar que respiramos e, no entanto são poucas as vezes que paramos para observar o colorido de algo a nossa volta, ou analisar as cores de um determinado objeto, seja ele da natureza ou criado pelo homem.

Apesar da influência que as cores nos causam, o que sabemos a seu respeito? O que é cor na verdade?
As cores que percebemos são produzidas pela luz.

A luz do sol, que é composta pelas sete cores do arco-íris quando incidem em um objeto são absorvidas ou refletidas pelo mesmo, ou seja, algumas dessas cores são absorvidas, enquanto as outras são refletidas, e são essas que irão definir suas cores.

A cor é uma realidade sensorial, segundo os estudos de psicologia, à qual não podemos fugir. Além de atuarem sobre a emotividade humana, as cores produzem uma sensação de movimento, uma dinâmica envolvente e compulsiva.

Algumas experiências psicológicas têm provado que há uma reação física do indivíduo diante da cor. Entretanto esse é ainda um vasto campo a ser explorado.

Fère (1960) in Fafina (1986) diz que a luz colorida intensifica a circulação sangüínea e age sobre a musculatura no sentido de aumentar sua força segundo uma seqüência que vai do azul, passando pelo verde, o amarelo e o laranja, culminando no vermelho.

O efeito produzido pela cor é tão direto e espontâneo que se torna difícil acreditar que ele se passa apenas em experiências passadas. Entretanto, cientificamente, nada comprova a existência de um processo fisiológico que explique o porquê dessa reação física do homem à estimulação da cor.

Afirma Lüscher in Farina (1986), que experiências têm provado ser o vermelho puro excitante.

Quando as pessoas são obrigadas a olhar por um determinado tempo para essa cor, observa-se que há uma estimulação em todo sistema nervoso: há uma elevação da pressão arterial e nota-se que o ritmo cardíaco se altera. Segundo ele, o vermelho puro atua diretamente sobre o ramo simpático do sistema neurovegetativo.

Afirma também que olhar o azul puro produz efeito exatamente contrário: o ritmo cardíaco e a respiração diminuem.

Diante de tantos dados, acreditamos ser de fundamental importância conhecermos as cores mais a fundo, pois com esses conhecimentos poderemos contribuir para a formação de um mundo melhor, pois como o "Paraíso será o mundo do Belo" (MOKITITI OKADA) não podemos imaginar esse mundo sem cores.

Realizaremos, então, um estudo para conhecermos melhor como as cores podem nos influenciar fisicamente, como nosso organismo reage fisiologicamente perante elas, e como podemos, utilizando seus recursos contribuir para harmonizarmos o mundo transformando-o em "Paraíso".  

O Estudo das cores e sua aplicação prática em Publicidade e Propaganda

Ao destacarmos o arco-íris como o símbolo místico e sobrenatural que lembra a piedade divina, podemos ressaltar a importância das cores em nossa vida. Sabemos que a coloração do belíssimo arco-íris, é explicada cientificamente e, no entanto, não deixamos de nos encantar com sua beleza.

Através desse símbolo, vemos a individualidade de cada cor e, na interação de todas elas, em toda sua plenitude, a fusão das cores no arco-íris nos dá a sensação de uma união perfeita.

Muito se tem escrito sobre a importância das cores. Quer através das representações gráficas quer através das emoções experimentadas pelos indivíduos diante da cor em si. Seu valor significativo vem, de há muito, interessando profissionais dos mais diversos campos de atuação. A preferência por cores muda de acordo com a moda, situação econômica, dificuldades existenciais, etc.

A harmonia de cores é, em parte, um fenômeno subjetivo, mas não isento de leis e princípios. O emprego das cores é diferente nas artes e na comunicação social.

Na comunicação, a cor tem uma função bem definida e específica, deve ajudar na clareza da mensagem a ser transmitida.

 A cor, às vezes, cria o clima desejado e fala por si só, o que deve ser aproveitado como instrumento técnico.

 Somente escolher uma cor aleatoriamente no catálogo, não garante que uma composição colorística seja equilibrada e harmoniosa.

O parâmetro do comunicador é: o público entender com exatidão o que ele quis dizer.

É nesse simbólico mundo colorido o foco deste trabalho. Destacaremos detalhes científicos sobre a constituição das cores em geral e sua importância para o campo visual dos consumidores, destacando as diversas formas de sua análise.









A importância das cores na programação visual

As cores fazem parte de nossa vida. Portanto, é muito importante saber utilizá-las em trabalhos de marketing, merchandising e promoções.

As grandes empresas não investem em propaganda, promoções e marketing escolhendo aleatoriamente as cores ou ainda porque o presidente da companhia gosta de determinadas cores.

A empresa sabe quais as cores que vendem e quais as cores que devem ser evitadas, ou seja, as cores podem ajudar em muito a construir um negócio.

De acordo com as pesquisas, apresentamos abaixo algumas curiosidades com relação a combinação de cores  e como eles funcionam.

Vermelho: É um estimulante de apetite. Em centenas de anos foi considerada a cor primária que se refere a sobrevivência básica: alimentação, vestuário, abrigo. Mostra uma imagem forte ao contrário de fadiga.

Branco: É excelente como cor de fundo, fazendo com que outras cores se tornem mais fortes e intensas. Passa uma imagem de limpeza e de ambiente esterilizado.

Laranja: É utilizado para uso interno e causa agitação nas pessoas, provocando a vontade de comer e correr - por exemplo, seria a  cor adequada para restaurantes.

Amarelo: É uma das cores mais utilizadas. Muitas pessoas utilizam o amarelo de maneira errada causando mais danos do que benefícios. Esta cor atrai os olhos e (em pequenas doses) estimulam os nervos. O uso do amarelo brilhante em grandes áreas aumenta os níveis de ansiedade em 45 segundos e também aumenta a pressão arterial rapidamente. É utilizado em áreas pequenas provocando as pessoas a tomarem decisões espontâneas e a comprarem por impulso.

Quais são as cores que realizam vendas?

Vermelho:
- Imagem física. Para esportes, academias, escolas de dança, organizações políticas ou negócios de bens imóveis.
Pink:
-Imagem feminina. Para modas, cosméticos, igrejas e produtos e serviços de Buffet infantil.
Marrons:
Imagem de gratificação. Para indústria de diversão, vídeo, carros, móveis, jogos e bebidas.
Laranja:
Imagem de energia. Para arquitetura, ferramentas e serviços para construção e serviços rápidos.
Pêssego:
Imagem de caridade. Para serviços e produtos para crianças, produtos escolares, organizações de caridade.
Amarelo:
Comunicação. Todos os produtos e serviços de comunicação e indústrias de entretenimento, especialmente para vendas.
Verde:
Saúde, plantas e vegetais. Para loja de comidas naturais, produtos florais e higiene pessoal.
Azul claro:
Criatividade. Para indústrias de arte e design, serviços e produtos de informática.
Azul escuro:
Execução. Para negócios, educação, serviços financeiros, negócios de alto investimento que necessitem mostrar confiabilidade - por exemplo: vendas de carros.
Preto:
Imagem de autoridade. Para serviços de produtos de segurança e proteção, ou simboliza luxuria com a combinação com dourado e prata.
Branco:
Individualidade e imagem de limpeza. Melhor para produtos do que para serviços.
Dourado:
Imagem de riqueza e segurança. Para corretores, banqueiros, comerciantes e serviços de alta qualidade e serviços de desenvolvimento pessoal.


Fisiologia da Visão

Para Fabris (1973), "a cor é um elemento sugestivo e indispensável que nos apresenta a natureza e os objetos criados pelo homem e dá a imagem completa da realidade.”.

Qualquer pessoa sente despertar suas fantasias ao olhar ou ler a palavra cor. A cor produz grade prazer ao espírito e aos olhos, que para ver necessitam tanto da cor como da luz.

E para que se ocorra esse processo como que nossa visão se comporta?

Em primeiro lugar a luz é o elemento essencial para que a cor exista, sem ela, não há cor.

Ao receber o estímulo da luz, "os olhos alimentam o cérebro com informação codificada em atividade neural ? cadeias de impulsos elétricos ? a qual, pelo seu código e pelos padrões de atividade cerebral, representa objetos".

O órgão da visão é, entre os órgãos do sentido, considerado o mais importante.

Para Goldman, (1964), 87% dos estímulos que chegam ao nosso cérebro vão através da visão, ficando a audição com 7%, o olfato 3%, o tato 1,5% e o paladar com 1,5%. Daí conclui-se que as nossas reações e sensações ocorrem em maior parte pelo estímulo da visão ao nosso sistema nervoso central através do cérebro.

Características da Visão

Acuidade visual: é a capacidade para discriminar pequenos detalhes. Ela depende de muitos fatores, como por exemplo: iluminação e tempo de exposição. No entanto, luzes muito forte prejudicam a acuidade, porque provocam a contração da pupila.

Acomodação e convergência: é a capacidade de cada olho em focalizar objetos a várias distâncias. O cristalino, uma lente que se situa atrás da íris (fig. 2), fica mais grosso e curvo para focalizar objetos próximos e mais delgados pares focalizar objetos distantes. Com o avanço da idade o cristalino vai perdendo sua flexibilidade, ficando mais duro, dificultando dessa forma a focalização de objetos próximos.

Percepção de cores: a percepção das cores só ocorre quando há luz. A luz é definida como sendo uma energia física que se propaga através de ondas eletromagnéticas composta pelas cores do arco-íris. Quando a luz incide em um objeto ela é refletida seletivamente.

A luz refletida tem uma composição diferente da luz e essa diferença é a responsável pelo aparecimento de cores. Quando se diz que uma superfície é vermelha significa que ela absorve todos os demais comprimentos de onda e reflete só o vermelho.

Quando um objeto é iluminado por luzes artificiais, a cor pode mudar porque o espectro (arco-íris) é diferente de a luz solar.

Assim, as cores ditas "reais" são aquelas que o olho humano percebe normalmente quando os objetos são iluminados pela luz solar.

As cores nas embalagens


Apesar da relatividade própria desse tipo de indicativos, estes dados são comprovados estatisticamente e são resultado de diversas pequenas pesquisas realizados por indústrias, órgãos de classe e acadêmicos.

Um outro dado que não se pode relevar no projeto de uma embalagem é o ambiente de exposição, ou seja a situação e exposição da embalagem nos expositores e, principalmente, ao lado da concorrência.

CAFÉ - marrom-escuro com toques de laranja ou vermelho
CHOCOLATE - marrom-claro ou vermelho-alaranjado
LEITE - azul em vários tons, às vezes com um toque de vermelho.
GORDURAS VEGETAIS - verde-claro e amarelo não muito forte
CARNES ENLATADAS - cor do produto em fundo vermelho, às vezes com um toque de verde.
LEITE EM PÓ - azul e vermelho, amarelo e verde com um toque de vermelho.
FRUTAS E COMPOTAS EM GERAL - cor do produto em fundo vermelho, com um toque de amarelo, às vezes.
DOCES EM GERAL - vermelho-alaranjado
AÇÚCAR - branco e azul, com toques de vermelho, letras vermelhas e pretas.
MASSAS ALIMENTÍCIAS - transparência, vermelho, amarelo-ouro e às vezes com toques de azul
CHÁ E MATE - vermelho, branco e marrom.
QUEIJOS - azul-claro, vermelho e branco, amarelo-claro.
SORVETE - laranja, azul-claro, amarelo-ouro.
ÓLEOS E AZEITES - verde, vermelho e toques de azul.
IOGURTES - branco e azul
CERVEJA - amarelo-ouro, vermelho e branco.
DETERGENTES - rosa, azul-turquesa, azul, cinza-esverdeado e branco-azulado
CERAS - tons de marrom e branco
INSETICIDAS - amarelo e preto, verde-escuro preto.
DESINFETANTES - vermelho e branco, azul-marinho.
DESODORANTES - verde, branco, azul com toques de vermelho ou roxo.
SAIS DE BANHO - verde-claro, branco.
BRONZEADORES - laranja, vermelho-magenta.
DENTIFRÍCIOS - azul e branco, verde com branco e toques de vermelho.
COSMÉTICOS - azul-pastel, rosa e amarelo-ouro.
PERFUMES - roxo, amarelo-ouro e prateado.
PRODUTOS PARA BEBÊS - azuis e rosa em tons suaves
REMÉDIOS EM GERAL - azul-claro, marrom, branco e vermelho, dependendo do tipo de material, medicinal, estimulante ou repousante
LÂMINAS DE BARBEAR - azul-claro ou forte, vermelho



















Fecundação Os primeiros registro da matriz de todos os sentimentos de rejeição ou amor é vivido pelo ser humano, tem sua primeira experiência na FECUNDAÇÃO Por isso é necessário que a gestação seja regada de sentimentos de amor e acolhimento. Esse registro será determinante para que a pessoa apresente em sua vida características e comportamentos para toda sua vida.
Postar um comentário